Economia - 02 de maio de 2016



Ovacionada pelo público ao subir no palco do Vale do Anhangabaú, no centro da capital paulista, com gritos de "Dilma querida" e "Fica querida", a presidente Dilma Rousseff aproveitou o ato de comemoração pelo Dia do Trabalhado para defender seu mandato e anunciar reajuste de 9% para o programa Bolsa Família e a correção de 5% na tabela do Imposto de Renda Pessoa Física, conforme era previsto.

"Esse aumento não prejudica o cenário fiscal, como eles (os oposicionistas) dizem", afirmou Dilma. A presidente disse ainda que vai anunciar o Plano Safra da Agricultura Familiar na terça-feira. O Plano Safra 2016/2017, da agricultura empresarial, está previsto para ser anunciado no dia seguinte, 4 de maio, conforme informou na semana passada a ministra da Agricultura, Kátia Abreu.

Nenhum comentário:

Postar um comentário