Notícias da Prefeitura de Estrela-RS - 12 de maio de 2016


Por meio de parceria com empresa do ramo, o Governo de Estrela, através da Secretaria do Meio Ambiente e Saneamento Básico, trabalha visando a destinação correta do lixo eletrônico, a fim de evitar danos ao meio ambiente. Nesta quarta-feira (11.05) pela manhã foi feito o recolhimento de televisores e monitores de computador, descartados pela população, os quais terão o destino correto. Neste sentido, o secretário Hilário Eidelwein pede à população que evite colocar este tipo de material com o lixo doméstico ou verde, pois não serão coletados pelas equipes que fazem este serviço.

Os eletrônicos, segundo o secretário, podem ser levados até o prédio da antiga Polar, na Rua Pinheiro Machado, onde são armazenados e, periodicamente, recolhidos pela empresa parceira do município. O óleo de cozinha, conforme Eidelwein, pode ser levado até a Secretaria do Meio Ambiente, na Rua Coronel Flores, ao lado da Praça Menna Barreto. Mais uma vez ele faz um apelo para que os moradores não coloquem o óleo junto com o lixodoméstico, pois na maioria das vezes os recipientes estouram inutilizam outros materiais que poderiam ser reciclados. 

Já em relação a lâmpadas e pilhas usadas, o secretário lembra que a lei que instituiu a Política Nacional de Resíduos Sólidos estabelece que fabricantes, importadores, distribuidores e comerciantes de determinado produto que possa causar danos ao meio ambiente ou à saúde humana criem um sistema de recolhimento e destinação final. Assim, lâmpadas e pilhas descartadas devem ser devolvidas à empresa que vendeu o produto, pois esta é a responsável pela sua correta destinação final. 

Empossado no dia 26 de abril pelo prefeito Rafael Mallmann, o Conselho Municipal de Planejamento Estratégico de Estrela realizou, esta semana, sua primeira reunião ordinária. Na ocasião, depois de explanação sobre os objetivos do plano pelo professor da Faculdade La Salle, Diego Silva, foi formado o Comitê de Monitoramento. Caberá a este órgão a definição de ações para que sejam atingidas as metas do Planejamento Estratégico, alinhando o que foi planejado com as ações.

O Comitê é formado por Rogério Heemann, do Sindicato dos Trabalhadores Rurais; Tânia Stein, da Emater/RS-Ascar; capitão Jorge Luis Engster, do 40° BPM; Luiz Carlos Freitag, da União das Associações de Moradores de Estrela (Uame); Verno Arend, da Câmara do Comércio, Indústria e Serviços de Estrela (Cacis); Aldino Felipe de Almeida, do Lions Clube de Estrela, e irmão Marcos Corbellini, da Faculdade La Salle. 

Depois da formação, o coordenador do Planejamento Estratégico, Klaus- Georg Simon solicitou aos componentes que já na próxima reunião tragam provocações dentro de suas áreas, para se iniciarem os debates, dando a largada na construção das ações propriamente ditas. O presidente Milton Dexheimer enfatizou que “crise é sinônimo de oportunidade ”. Por isso, segundo ele, o momento é de buscar soluções para médio e longo prazo, a fim de estruturar benefícios para os estrelenses, agora e para o futuro. 
A próxima reunião do Conselho foi marcada para o dia 6 de junho, às 16h, na sede da Amvat, junto ao prédio da antiga Polar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário