Últimas Notícias - 18 de maio de 2016




O PT críticou o próprio partido e o governo Dilma no 1º encontro após o afastamento da presidente. A resolução diz que o PT foi "contaminado pelo financiamento empresarial de campanhas" e é preciso avaliar, "de forma autocrítica, os erros cometidos".

A Justiça condenou o PT a pagar R$ 14 milhões por participação em um esquema de corrupção e cobrança de propina no sistema de transporte público de Santo André durante a gestão do prefeito Celso Daniel, morto em 2002.

O ministro Marco Aurélio Mello liberou para votação no plenário do STF a ação que pede a abertura de processo de impeachment do presidente em exercício, Michel Temer.

Temer se reuniu com líderes de partidos na Câmara, mas não definiu quem será o líder do governo na Casa. Ele pediu "agilidade" com as medidas provisórias que trancam a pauta.

O presidente da Comissão Mista do Orçamento da Câmara será Arthur Lira (PP-AL), denunciado por corrupção e lavagem de dinheiro na Lava Jato, após acordo entre partidos da base aliada do governo. Lira nega as acusações.

Após apresentar a marca oficial da gestão Temer com uma versão antiga da bandeira nacional, o governo apresentou a imagem final, com as 27 estrelas.

Temer exonerou o diretor-presidente da Empresa Brasil de Comunicação (EBC), que tinha mandato até 2020.

Entre as nomeações feitas pelo presidente em exercício estão a de um assessor especial de Eduardo Cunha para a chefia de gabinete da Casa Civil, e do secretário-executivo da Fazenda, que é investigado na Operação Zelotes, para o mesmo cargo no Planejamento.

Nenhum comentário:

Postar um comentário