Economia - 08 de outubro de 2015



O Conselho Curador do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) aprovou nesta quarta-feira (7), em reunião realizada em Brasília, a destinação de R$ 8,1 bilhões do lucro do fundo deste ano e de 2016 para a faixa 1 do Minha Casa Minha Vida - que confere subsídio para a população de baixa renda, informou o ministro do Trabalho e da Previdência Social, Miguel Rossetto.

Os recursos serão aplicados a "fundo perdido", ou seja, não retornarão para o FGTS, sendo R$ 3,3 bilhões neste ano e R$ 4,8 bilhões em 2016.

Nenhum comentário:

Postar um comentário