Notícias da Prefeitura de Estrela - 27 de outubro de 2015



Mais de 240 pessoas participaram,  no Centro Comunitário Cristo Rei, em Estrela, do 1º Dia Estadual do Peixe, que teve como ponto alto o lançamento, pelo Governo do Estado, do Programa Integrado de Pesca e Aquicultura. O objetivo é popularizar o consumo do pescado no Rio Grande do Sul, incentivando o incremento da produtividade e a produção sustentável. O programa, conforme explicou o diretor do Departamento de Pesca e Aquicultura da Secretaria do Desenvolvimento Rural, Pesca e Cooperativismo, Ricardo Núncio, seguirá uma série de passos visando sua implementação.

A partir da escolha dos municípios e dos beneficiários deve haver a aprovação dos Conselhos Rurais dos municípios. A elaboração dos projetos caberá a Emater/RS e, deverá também ser assinado um termo de cooperação com as prefeituras, as quais receberão máquinas do Estado, sob a forma de concessão, para execução dos serviços. A manutenção, combustível, operador e licenciamento são responsabilidades dos municípios que participarem do programa.

Mais do que promover a integração entre a comunidade e as 21 escolas municipais de Educação Infantil e Ensino Fundamental, o Educação na Praça, realizado no último sábado (24.10) na Praça Menna Barreto, em Estrela, promoveu também ações de cidadania. Projeto do Grêmio Estudantil da Emef Odilo Afonso Thomé, por exemplo, procurou mostrar as dificuldades enfrentadas pelas pessoas com deficiência. 

Explorando os sentidos, os visitantes podiam fazer vários experimentos. No que os alunos denominaram “caixa de sensações”, a tarefa era identificar os odores, com os olhos vendados. Em outra, a proposta era descobrir os objetos somente pelo tato . Muletas e cadeira de rodas da mesma forma puderam ser utilizadas pelo público. 

Já o Grêmio Estudantil da Escola Pedro Schmidt, do Distrito de Delfina, ensinou os interessados a fazer mudas de chás, a partir dos ensinamentos recebidos na disciplina de técnicas agrícolas. Houve também distribuição de mudas de alecrim e de orégano. A mostra no estande de cada escola retratava os trabalhos desenvolvidos ao longo do ano, como o projeto Alimentação Saudável, plantas medicinais e outros. Trabalhos artísticos com as mais variadas técnicas, feitos pelos alunos, completaram a exposição. 

Além disso, o Educação na Praça foi complementado com vivências pedagógicas pelas escolas, como a Emef Leo Joas, Emef José Bonifácio, Emef Arnaldo J. Diehl, Emef Cônego Hugo Wolkmer e Emef pinheiros. A turma do Sítio do Pica-Pau Amarelo contou estórias para as crianças, que também puderam fazer pinturas. Houve pintura no rosto, violão e gaita, rodas cantadas, tapete das estórias e “vale um abraço”. No espaço da Biblioteca Pública Municipal, jogos e livros infantis foram colocados à disposição dos “baixinhos”, assim como o “Biblioteca ao seu lado”, iniciativa pela qual as pessoas podem levar para casa obras dos mais diferentes gêneros literários.

Na abertura, que contou com a presença do prefeito Rafael Mallmann e do secretário de Educação Marcelo Mallmann, houve apresentações artísticas. Alunos do Educação de Jovens e Adultos (EJA) mostraram músicas gauchescas, assim como a turma do Jardim da Emei Girassol. Já a turma do 4º ano da Emef Cônego Sereno Hugo Wolkmer apresentou a esquete “Aprendendo a Conviver”. Conforme o secretário Marcelo Mallmann, foi uma oportunidade para as escolas partilharem com a comunidade sua proposta pedagógica, baseada na missão da Secretaria Municipal de Educação. 

Os consumidores e produtores rurais já podem trocar suas notas fiscais por cautelas para concorrerem aos prêmios da campanha Estrela Premiada 2015. A troca pode ser feita nos estabelecimentos participantes e na Secretaria da Agricultura, além da Casa do Papai Noel, na Praça Menna Barreto. Neste local o atendimento está sendo feito no mesmo horário de expediente da prefeitura, ou seja, das 8h às 11h30min e das 13h30min às 17h. No próximo dia 30, ponto facultativo nas repartições municipais, não haverá troca na Casa do Papai Noel.

Para fins da promoção, terão validade as notas emitidas pelo comércio local durante todo este ano. Para os consumidores em geral e usuários de serviços, cada R$ 100 podem ser trocados por uma cautela, mesmo valor para os contribuintes municipais. Já para os produtores rurais, cada R$ 200 no talão de produtor equivalem a uma cautela. 

A campanha Estrela Premiada 2015 é uma parceria da Prefeitura de Estrela e Câmara de Comércio, Indústria e Serviços (Cacis). Vai sortear, entre os consumidores, um automóvel zero quilômetro e dez vale-compras no valor de R$ 700 cada. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário