Ronda Policial Rio Grande do Sul - 13 de junho de 2016



Na tarde desde domingo Policiais Rodoviários Federais (PRF), que realizavam policiamento de rotina na BR 290, em Eldorado do Sul, abordaram um ônibus que transportava passageiros de Arroio dos Ratos para um baile em Canoas. Durante a fiscalização do uso do cinto de segurança, os policiais desconfiaram do nervosismo de um passageiro. Ao analisar a identidade do homem de 43 anos, verificaram que ele era procurado pela Justiça. Condenado por ter estuprado a enteada, o homem vai cumprir nove anos de prisão.

Um erro de português levou à prisão de um casal que estava com um veículo clonado e aproveitava os dias de frio em Gramado. Ainda na noite de quinta-feira, um policial militar à paisana, saindo de seu turno de trabalho no 1º Batalhão de Policiamento em Áreas Turísticas (1º BPAT), percebeu “algo estranho” em um Cruze, com placas de Cachoeirinha, que trafegava pela avenida das Hortênsias, na área central.

Ele teve a atenção despertada para o fato da tarjeta da placa traseira estar escrito Cachoeirinha sem a primeira letra “i”, ou seja, Cachoerinha. Desconfiado, o brigadiano apurou que o veículo estava normal, mas mesmo assim decidiu ligar para o proprietário e o mesmo informou que não se encontrava na cidade turística.

Alertado, o setor de inteligência do 1º BPAT iniciou as buscas na região para localizar o Cruze. Na tarde de sábado finalmente o veículo foi avistado novamente na avenida das Hortênsias, mas desta vez estacionado. O Pelotão de Operações Especiais do 1º BPAT foi então acionado para realizar a abordagem. O casal foi detido ao se aproximar do carro.

Na vistoria do automóvel, os policiais militares constataram que o lacre da placa havia sido rompido e através do número do motor, devido às demais numerações estarem adulteradas, descobriu-se que o Cruze foi furtado em janeiro do ano passado em Porto Alegre. O casal, que disse residir no Chuí, foi encaminhado sob acusação de receptação à DP de Gramado.

Um detento do regime semiaberto do presídio de Santa Maria foi morto na madrugada neste domingo, após invadir a casa de um policial rodoviário federal, no bairro Camobi, região leste do município. Ele usava tornozeleira eletrônica e era considerado fugitivo desde às 19h de sábado.

O homem de 23 anos e com antecentes criminais de roubos e furtos estaria armado com um revólver calibre 38 que havia sido roubado em Restinga Seca. Ele teria invadido a residência e ameaçado primeiramente a sogra do policial, que gritou por socorro.

Ao chegar no quarto da sogra, o policial teria ordenado que o bandido soltasse a vítima e se rendesse. Em negativa, ele teria apontado, então, a arma para o policial, que acabou disparando três vezes. O criminoso morreu no local.

Um contrabando de 238 garrafas de vinho chileno foi apreendido pelo plantão de bagagem da Inspetoria da Receita Federal no Chuí. As bebidas foram encontradas no sábado em um caminhão frigorífico, com placas de Lajeado, que aparentemente retornava vazio do Uruguai para o Brasil.

A mercadoria estava escondida no interior da cabine do motorista. Após a vistoria, o condutor do veículo admitiu que pretendia comercializar as bebidas no estabelecimento comercial de propriedade do seu pai em Lajeado. Os vinhos e o veículo transportador foram retidos para a aplicação das sanções administrativas devidas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário