Notícias da Prefeitura de Estrela - 04 de janeiro de 2016



Tendo por local a sede da AMVAT – Associação dos Municípios do Vale do Taquari, ocorre no próximo dia 12 de janeiro às 14h, a posse dos novos representantes da CIPA da Prefeitura Municipal de Estrela.

Segundo o Secretário da Seadrh – Henrique Lagemann os servidores formam nomeados pela Portaria nº 1174-0415 assinada pelo Prefeito Carlos Rafael Mallmann em conformidade com a Lei Municipal nº 4.494-2007, indicados pelo Poder Executivo e eleitos pelos Servidores para Gestão 2016 e 2017.

Representantes indicados pelo município: Airton Engster dos Santos – Presidente, Orlando José Wulfing, Márcia Fabyane Ferrão Linn, Clair Lucia Fuhr e José Elemar Heidt. Suplentes: Alair Lopes da Silva, Valdair Rodrigues dos Santos, Julio Diehl, Emerson Luiz Musskopf e Christa Scheibe Martins.

Representantes eleitos pelos Servidores: Ailton Bonfante – Vice-Presidente, Vomberto Teixeira, Fernanda de Lima Santana, Sheila Jaqueline Santos Stamm, Cleci Maria Steffens. Suplentes: Valmor José Guamerin, Milton Roque da Silva, Lisandro Jair Schmidt, Cláudio Roberto Kuhn e Marli Inês Pires.

O Governo de Estrela está intensificando ações para a prevenção da dengue no município. Esta semana reuniram-se secretários e servidores das pastas da Saúde, Obras Públicas, Agricultura, Meio Ambiente e Planejamento a fim de estabelecer ações para evitar que se prolifere o aedes aegypti, causador da doença. Uma primeira ação foi marcada para o dia 9 de janeiro, quando equipes estarão em pontos estratégicos da cidade e bairros para alertar a população sobre a necessidade de medidas de prevenção. 

Além disso, também serão chamadas todas as comunidades para um encontro com as equipes técnicas, da mesma forma para destacar a importância da prevenção. Já a Secretaria de Obras vai fazer a limpeza em locais detectados pela Vigilância Sanitária, nos quais o ambiente é favorável à proliferação do mosquito.

O secretário da Saúde, Elmar Schneider, lembra que além das ações desencadeadas pelo poder público, é imprescindível o engajamento de toda a população, que deve tomar medidas simples, mas importantes. Caixas d’água, galões e tonéis podem ser tornar criadouros, assim como pequenos reservatórios, como os vasos de plantas. Além disso, a população deve estar atenta também para a manutenção das piscinas, que podem se tornar criadouros de mosquitos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário