Notícias da Prefeitura de Estrela-RS - 31 de dezembro de 2015



Equipes da Secretaria de Obras Públicas de Estrela realizaram, nesta quarta-feira (30.12), a pintura dos quebra-molas na estrada geral de Novo Paraíso. Os trabalhos encerram a recuperação da estrada, onde também foi feita a retirada do material nos trechos onde havia muita umidade, o que havia causado o chamado “borrachudo”. Nesses pontos a Secretaria de Obras executou a drenagem e a colocação de pedras rachão. Para finalizar, fez uma operação tapa-buracos. 

O Governo de Estrela está intensificando ações para a prevenção da dengue no município. Esta semana reuniram-se secretários e servidores das pastas da Saúde, Obras Públicas, Agricultura, Meio Ambiente e Planejamento a fim de estabelecer ações para evitar que se prolifere o aedes aegypti, causador da doença. Uma primeira ação foi marcada para o dia 9 de janeiro, quando equipes estarão em pontos estratégicos da cidade e bairros para alertar a população sobre a necessidade de medidas de prevenção. 

Além disso, também serão chamadas todas as comunidades para um encontro com as equipes técnicas, da mesma forma para destacar a importância da prevenção. Já a Secretaria de Obras vai fazer a limpeza em locais detectados pela Vigilância Sanitária, nos quais o ambiente é favorável à proliferação do mosquito.

O secretário da Saúde, Elmar Schneider, lembra que além das ações desencadeadas pelo poder público, é imprescindível o engajamento de toda a população, que deve tomar medidas simples, mas importantes. Caixas d’água, galões e tonéis podem ser tornar criadouros, assim como pequenos reservatórios, como os vasos de plantas. Além disso, a população deve estar atenta também para a manutenção das piscinas, que podem se tornar criadouros de mosquitos. 

O prefeito de Estrela, Rafael Mallmann entregou ao produtor Diego Müller, de Novo Paraíso, a Licença de Operação (LO) de quatro aviários, dois quais dois estão sendo reformados e dois são construções novas, totalmente climatizadas, as primeiras a entrar em operação no município. O empreendimento tem uma área de criação de 7.984 metros quadrados, com capacidade para alojar 150 mil aves por lote. A estimativa de Diego Müller é produzir 1,2 milhão de frangos por ano. 

A licença foi emitida pela Secretaria Municipal do Meio Ambiente e Saneamento Básico (Smmasb) e é válida por quatro anos. O secretário Hilário Eidelwein e o técnico Arly Volken, que acompanharam a entrega da LO, ressaltam que o empreendimento atende a todas as adequações necessárias para entrar em funcionamento. Citam, por exemplo, que todos os aviários possuem piso, não havendo impacto ambiental com o sistema adotado. Por outro lado, foram feitas recomendações, como arborização e implantação de sistema de captação de água para aproveitamento na propriedade. 

De acordo com o produtor, o investimento nos aviários chega a R$ 1,9 milhão. O sistema de criação é chamado de Dark House, que consiste na combinação de um específico programa de luz com um adequado programa de ventilação. Os aviários são totalmente fechados com chapas isotérmicas, a fim de manter a temperatura ideal de acordo com a idade das aves. Varia de 30 a 32 graus centígrados nos primeiros dias e entre 18 e 22 graus quando estiverem na idade de abate. Diego Müller deve começar o alojamento nos dias 6 e 7 de janeiro, com previsão de alojar 120 mil aves neste primeiro lote. 

A entrega da licença ocorreu na manhã desta quarta-feira (30.12) e foi acompanhada também pelo vice-prefeito Valmor Griebeler; pelo secretário da Agricultura José Adão Braun e pelo assessor da Smag, Helmuth Scholz. O prefeito Rafael Mallmann destaca a importância do empreendimento e elogia a iniciativa do produtor que, mesmo num momento em que o país atravessa uma crise, acredita e aposta no investimento. Neste caso, houve a parceria da prefeitura na execução da terraplenagem da área. 


Nenhum comentário:

Postar um comentário